9.1.08

uma grande lição...


O ano de 2007 foi muito especial na minha vida, espero que na sua também. Me mudei de mala e cuia para a Amazônia em fevereiro sem saber exatamente como seriam as coisas por aqui. Apenas sentia, no fundo do meu coração, que muita coisa boa me esperava. A razão de vez em quando me perguntava coisas do tipo: "como você vai viver lá? E a saudade de casa? São mais de 3 mil quilômetros!".

Coitada da dúvida, ficou falando sozinha. Tagarelou sem conseguir me balançar porque eu sentia, muito forte, o caminho que precisava seguir. Tinha certeza absoluta de que esta mudança se refletiria em todos os âmbitos da minha vida. A fé e a certeza de ser bem acolhida nesta terra transbordavam em mim com tamanha força e alegria que não havia questionamento racional nenhum que tivesse força suficiente para me fazer parar e questionar: "será que é isso mesmo?".

Não sei se já disse isso para você, mas uma amiga que conheci aqui, a Camila, uma vez soltou uma frase que tem tudo a ver e que explica bem o que acontece com todo mundo que chega nesta imensa floresta guiado pelo coração: "quando a Amazônia te convoca...!". Ela prepara tudo para você, as coisas acontecem. E vou além da sábia conclusão da Cami, dizendo que "quando ouvimos nosso coração e nossa intuição acima das dúvidas e questionamentos da razão, TUDO dá certo".


Se você sente que deve, faça. Se sua intuição diz para seguir um caminho e a razão questiona, opte pela intuição. Se quer mudar tudo e chutar o balde para viver na praia ou sair da praia porque sente que seu crescimento está em outro lugar, vá em frente! Quer largar a gravata e rodar o mundo, começar aquela aula de violão que você sempre adiou? Vá em frente, porque o tempo de mudar é "sempre".

A vida nos coloca diante de momentos em que precisamos mesmo decidir a direção e isso faz parte de nosso crescimento. O que estou falando para você falo para mim também porque sempre preciso me lembrar desta maravilha de mudança que aconteceu na minha vida quando resolvi vir para a Amazônia.

A importância de confiar na intuição e no coração foi e está sendo, sem dúvida, uma das lições mais bonitas e importantes que já ganhei da vida.

Que em 2008 sua alma te guie a muitos vôos de auto-conhecimento e evolução.


Save the planet!

2 comentários:

Anônimo disse...

Karina,
Sei muito bem como essa vontade "funciona".
Sempre pensei em jogar tudo pro alto e viver da natureza, mas não tenho a mesma coragem que você...
Infelizmente ou felizmente (não sei ao certo...) meu ato de coragem foi criar um blog, recentemente, sobre meio ambiente e tentar me expressar através dele. Talvez seja um passo, ou não. Só sei que te entendo perfeitamente. Portanto, parabéns para nós, por nossas ousadias, sejam elas concretas ou não.
E aproveito para convidá-la a dar uma espiadinha no meu blog: www.bureaudeideias.blogspot.com , e me dá umas dicas... ou críticas!
PS: seu blog tá muito legal! que tal colocar fotos inusitadas sobre o dia a dia da comunidade local e da floresta??
Abraços,
Patríciah

Karina/Eco-Repórter-Eco disse...

Oi Patríciah!
Cada um de nós pode fazer muitas coisas pela natureza. Não precisamos necessariamente mudar de vida, se não sentirmos que ainda é o momento certo ou que isso pode não ser o melhor pra gente. O importante é sempre ouvirmos o nosso coração.
Vc criou um blog, isso é tão importante! :) Além disso, você também pode mostrar, por suas atitudes em seu dia a dia, todo o amor que sente pela Mãe Terra. Somos exemplos uns para os outros o tempo inteiro.
Então, não ache que você faz pouco não. "as vezes a gente nem se dá conta do quanto somos observados...do quando influímos na vida das pessoas ao nosso redor. Atitude positiva gera atitude positiva. Um beijo no seu coração e continue na luta!
Save the planet!